quarta-feira, outubro 07, 2009

Debate Autárquico na RTPN

Matosinhos em debate na RTPN

7 comentários:

salvoconduto disse...

Até me caiu o queixo, tal a forma como abri a boca! Como é possível?

O que é facto é que calhar o crime compensa. Aqueles 2+1 ocuparam quase o tempo todo do debate. Ainda bem que não vivo em Matosinhos, a câmara parece estar a saque. E eu que me queixo do Valentim...

Quem também não fica bem na fotografia é o representante do BE quando quase no fim grita: "Narciso, cale-se!" Passou-se dos carretos ou já é mesmo assim?

Xiça, penico!

rms disse...

Pelo menos, já sabes o que te espera se decidires migrar...

JOSÉ MODESTO disse...

Caro Ricardo, chegou hoje á minha caixa de correio vários panfletos com as diferentes candidaturas.
Os rostos são claramente conhecidos em Leça da Palmeira, no entanto se me permite, gostaria de lhe fazer uma pergunta que será obviamente extensiva a outros blogues, e a outras forças politicas:
Então a Ética e a Moral ficam aonde?
Como é possivél nas referidas listas insistirem nas chamadas ligações familiares!!!

Haja Bom Senso, será que a atitude de colocarem Irmãs-Irmãos-Tios-Filhos-cunhados etc.etc. terá a ver com a fraca motivação dos cidadãos para a vida politica?

Não Creio.

Saudações Marítimas
José Modesto

rms disse...

Caro José Modesto,

Não sei como decorre o processo de elaboração das listas nos outros partidos e coligações.
Na CDU debateram-se vários nomes para a lista e a escolha é elaborada procurando envolver pessoas que tenham algum tipo de envolvimento com a freguesia.
Na CDU, não há discriminação por haver familiares de um ou de outro elemento da lista. Está em causa o valor das pessoas, não o grau de parentesco.

JOSÉ MODESTO disse...

Caro Ricardo.
Aceito a sua opinião, mas óbviamente discordo.
A Moral e a Ética são as melhores regras para orientar a humanidade.

Como Leceiro que é, sabe que estou a falar verdade.

Saudações Marítimas
José Modesto

rms disse...

A moral e a ética são subjectivas e a cobro das duas já se cometeram muitos erros na história da humanidade. E para mim imoral seria impedir alguém de participar numa lista por ser familiar de quem quer que seja.
A minha família é bastante grande, até há quem a divida em Bóias do Norte e do Sul. Tenho familiares em quase todas as listas que estão a votos na freguesia, na câmara e na assembleia. Onde está a imoralidade?

JOSÉ MODESTO disse...

Caro Ricardo, este comentário que fiz no seu blogue fiz em todos os outros e sem a intenção de magoar alguém.Foi simplesmente constatar que em todas as forças politicas há a presença de alguns familiares.
Imoral é de facto um termo um pouco pesado, em todo caso e na minha Modesta opinião devemos evitar que nas listas apareçam ou surgem pessoas da mesma familia.
Acho que não fica bem.
Em todo o caso e ralactivamente á CDU considero o vosso programa eleitoral bastante positivo para a nossa freguesia.

Saudações Marítimas
José Modesto